.: Prefeitura De Araguaina :.
Sexta-feira, 23 De Fevereiro De 2018 |    CLIMA: Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora. | Mínima: 21ºC | Máxima: 29 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Ouvidia da Saúde 0800 646 8546

campanhas





NOTÍCIAS

Ouvidoria da Saúde atende quase mil pessoas em Araguaína em 2017

Publicado: Data: 06/02/2018 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Usuários podem manifestar suas opiniões sobre os serviços da saúde municipal pelo telefone 0800 646 8546, no site da Prefeitura, por e-mail e ainda pessoalmente na sede da Secretaria

Por Mara Santos | Foto: Marcos Filho Sandes
 
Os usuários dos serviços públicos de saúde em Araguaína têm à disposição os serviços da Ouvidoria Municipal da Saúde. São diversos canais através dos quais o usuário pode dar sua opinião e contribuir com informações que podem ajudar a melhorar a qualidade dos serviços prestados. Em 2017, a Ouvidoria da Saúde registrou um total de 999 atendimentos.

O objetivo dos canais abertos e gratuitos é dar voz à população e torná-la cada vez mais próxima dos serviços ofertados no Município. “Ter esse retorno de como os serviços chegam ao cidadão é muito importante. Fazendo esse contato com a secretaria de maneira formal, o araguainense está mostrando que faz parte desse sistema e que sua atuação melhorará ainda mais o atendimento para todos”, explicou o secretário da Saúde, Jean Luís Coutinho.

Para registrar sua reclamação, sugestão, elogio, denúncia, solicitação ou informação, basta procurar a Ouvidoria, indo pessoalmente à Secretaria Municipal da Saúde ou entrando em contato através do telefone (0800 646 8546), site (araguaina.to.gov.br), correspondência (Rua Sete de Setembro, 555, Centro) ou e-mail (ouvidoria.saude@araguaina.to.gov.br).

Registros e retornos

O cidadão pode registrar sua manifestação de três formas: identificada, cujos dados ficarão acessíveis a todas as esferas da Secretaria Municipal da Saúde; sigilosa, quando os dados são coletados pela Ouvidoria, mas não são divulgados a nenhum órgão da secretaria; ou anônima, quando nenhum dado é coletado.

Ao registrar uma manifestação, o cidadão receberá um número de protocolo para acompanhar sua demanda. De acordo com o coordenador da Ouvidoria, Nailton de Andrade, todas as manifestações dos usuários são acolhidas e atendidas conforme os princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Nosso interesse é que a resposta seja dada o mais breve possível, mas há uma sensibilização para que as demandas sejam respondidas em até dez dias”, afirmou Andrade.

Apoio técnico

Desde a sua criação, em 2011, a Ouvidoria Municipal da Saúde trabalha em parceria com o Núcleo de Apoio Técnico (NAT), que atua articulando a solução das demandas na via administrativa, resolvendo as demandas e reduzindo a judicialização dos processos.

Conveniado ao Tribunal de Justiça, o NAT estreita o diálogo com os profissionais do Poder Judiciário, do Ministério Público e da Defensoria Pública através da emissão de pareceres técnicos relacionados à área da saúde, como dados sobre a dispensação de medicamentos, consultas, internações e cirurgias, entre outros.

Dos 1.492 requerimentos acolhidos em 2017, o NAT atingiu 96,65% de resolutividade na esfera administrativa, sendo apenas 3,35% judicializados.

Publicado: Data: 06/02/2018 Autor:Ascom







voltar