.: Prefeitura De Araguaina :.
Sábado, 04 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Produtores rurais de Araguaína iniciam coleta de solo

Publicado: Data: 29/05/2015 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

As análises laboratoriais são uma das etapas do Programa do Calcário, desenvolvido pelo poder público.

 

Inicia nesta segunda-feira, 1º de junho, a retirada de amostras de solo das propriedades rurais que faz parte do Projeto de Distribuição de Calcário de Araguaína. Uma equipe está desde a última semana visitando os agricultores familiares e ensinando-os a fazer a coleta de solo da área. As coletas de terra seguem até o mês de julho e em seguida serão encaminhadas ao laboratório para análise de correção do solo e a entrega da análise aos beneficiários. Nesta segunda, a equipe segue fazendo coleta no Projeto de Assentamento Ribeirão dos Porcos, a partir das 9h.

 

A Prefeitura fará a aquisição do produto na primeira quinzena de agosto, já a entrega do calcário para os agricultores inicia no dia 11 de setembro e finaliza no dia 1º de dezembro.

 

O Projeto de Distribuição de Calcário e Análise de Solo é desenvolvido pela Prefeitura de Araguaína, por meio do Secretaria do Desenvolvimento Econômico, em parceria com o Governo Federal. Serão distribuídas mais de 4 mil toneladas de calcário que beneficiarão cerca de 720 pequenos produtores rurais que atendem às normas do Programa Nacional de Agricultura Familiar (Pronaf). Cada produtor poderá receber até 6 toneladas do produto.

 

O calcário dolomítico, propício para a região, tem aplicação fundamental na correção da acidez do solo e representa uma alternativa mais barata do que o adubo, que desempenha a mesma função. O calcário é aplicado até 90 dias antes do plantio e possibilita que o solo fique menos ácido, tornando-o mais fértil e fazendo-o disponibilizar mais nutrientes às plantas. Mais informações também podem ser obtidas através do telefone (63) 3411 7044.

 


Publicado: Data: 29/05/2015 Autor:Ascom







voltar