.: Prefeitura De Araguaina :.
Sábado, 04 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Araguaína será destaque como polo madeireiro

Publicado: Data: 03/07/2015 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

A cidade vai receber grandes investimentos de indústrias no setor madeireiro e atrair outros segmentos da agroindústria

Com o objetivo de modernizar e industrializar Araguaína, a Prefeitura apresentará no próximo mês à Embrapa Central o projeto do Parque Tecnológico da cidade. O projeto foi apresentado por uma equipe técnica de Araguaína também na Embrapa Florestas, em Curitiba (PR) este ano, quando foi bem aceito. “A localização do Tocantins dá mais vantagem logística para Araguaína e para as indústrias”, explicou o secretário municipal do Desenvolvimento Econômico, Joaquim Quinta.

Dentro do Parque, que ficará localizado próximo ao Distrito Agroindustrial de Araguaína (Daiara), será formado o cluster madeireiro, com capacidade para atrair segmentos da agroindústria, em especial indústrias madeireiras para fabricação de produtos, como o laminado, compensado, MDF, chapas de uma forma em geral, madeira destinada tanto para a construção como para as fazendas.

Quando estiver em efetivo funcionamento, o cluster da indústria madeireira fará com que Araguaína desponte como um importante polo madeireiro, através de grandes investimentos na área. Em relação aos números de eucalipto plantados no Tocantins, 64% das áreas de plantio estão nas regiões de Araguaína e Bico do Papagaio.

“Para se ter uma noção, a EcoBrasil Florestas, uma grande empresa que atua na região há seis anos e ancora o projeto do cluster, já plantou em todo o Estado mais de 50 mil hectares, dos quais, 13 mil ha de madeiras plantados estão no Município de Araguaína”, explicou o prefeito Ronaldo Dimas.

Cluster madeireiro industrial

Além disso, o Parque será o ambiente propício para pesquisas, incubação de novas empresas e desenvolvimento de projetos na área da silvicultura que desenvolvam e modernizem o Município de Araguaína. “Acreditamos que a partir do próximo ano, nós já teremos as primeiras empresas desse setor instaladas no Parque”, destacou Dimas.

Cluster industrial é um agregado de empresas com características semelhantes, mesmos objetivos e que colaboram entre si, tornando-se mais eficientes. O projeto do cluster araguainense conta com o apoio do Governo do Estado, dos Ministérios da Ciência e Tecnologia e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Federação das Indústrias do Tocantins, Sebrae Tocantins, Universidade Federal do Tocantins (UFT) e da EcoBrasil Florestas.

O projeto ganhará força com a implantação da unidade da Embrapa Florestas para a região de Araguaína.

Publicado: Data: 03/07/2015 Autor:Ascom







voltar