.: Prefeitura De Araguaina :.
Sábado, 04 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Oficina sobre Ferrovia Norte-Sul destaca potencial em municípios

Publicado: Data: 11/12/2015 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

 

Prefeitura é parceira do projeto que fomenta atividades de investimentos nos municípios por onde passa os eixos da ferrovia 

 Por Gláucia Mendes

 Foto: Marcos Filho

Com a presença de estudantes, autoridades e representantes de movimentos, aconteceu na manhã desta sexta-feira, 11, no auditório do Sebrae de Araguaína, a oficina “Ferrovia Norte-Sul – Desafios e Oportunidades para a Região dos Pátios”. Durante o evento, uma palestra sobre Plano de Desenvolvimento Regional da Ferrovia foi apresentada. O objetivo principal é fomentar atividades de investimentos nas áreas, públicas e privadas, observando o potencial que pode beneficiar a todos. A oficina foi promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Planejamento e Orçamento, com o apoio da Prefeitura.

 A oficina em Araguaína foi a última, a caravana já passou por outros municípios sedes dos pátios da Ferrovia em Gurupi, Porto Nacional, Guaraí, Colinas do Tocantins e Aguiarnópolis. Em março de 2016, acontecerá dois seminários em Palmas e Araguaína. “Essas oficinas foram muito importantes, visto que conseguimos em duas cidades montar um comitê gestor, Gurupi e Aguiarnópolis. Em Colinas do Tocantins já contamos com um comitê que nos deixa felizes”, explicou a economista e consultora urbana do projeto, Auxiliadora Reis.

 A consultora disse ainda que, a ideia do projeto é levantar as principais oportunidades e desafios de cada município para fechar uma carteira de negócios de cada região. “Estamos montando um diagnóstico para o desenvolvimento local. É o momento de motivar os empresários locais, que eles possam vislumbrar o que podemos ter de negócios, no do campo da Ferrovia, onde todo o comércio ficará beneficiado e os pequenos negócios”, destacou.

 O diretor do Programa de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), do Governo do Estado, Maurício Fregonesi acrescentou que esse é momento de traçar diretrizes. “A Ferrovia Norte-Sul traz ventos de prosperidade para nossas regiões e temos que estar preparados para quando os outros eixos estiverem prontos”, completou.

 Município

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Joaquim Quinta Neto, acredita que essas parcerias são muito importantes e o Município só tem a ganhar quando há trabalhos em conjunto. “São momentos de discussão que beneficiam toda a comunidade. Dessas oficinas vamos coletar opiniões de todos. A Ferrovia, onde há o escoamento da produção, é um canal do Brasil com o mundo”, lembrou.

 

Comunidade

A estudante do curso de Logística Deusani da Cunha Neto vê nas oficinas uma oportunidade. “É conhecimento e sabemos que a Ferrovia Norte-Sul é um importante ponto de integração logístico. Eu que faço um curso voltado para essa área, quero poder fazer parte desse desenvolvimento, trabalhando em empresas que estão realizando esse trabalho”, disse.

 

Publicado: Data: 11/12/2015 Autor:Ascom







voltar