.: Prefeitura De Araguaina :.
Domingo, 05 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 35 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Prevenção de acidentes de trabalho é tema de atividades em Araguaína

Publicado: Data: 27/04/2016 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

O evento da Prefeitura, por meio do Centro de Saúde do Trabalhador, contará com palestras, oficinas e blitz, com memorial às vítimas de acidentes. Ações vão até sexta-feira, 29

Por: Gláucia Mendes 

Em comemoração ao Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho, dia 28, a Prefeitura de Araguaína, por meio do Centro de Saúde do Trabalhador (Cerest), realiza palestras, oficina em saúde e segurança ocupacional e blitz com Memorial às Vítimas de Acidentes de Araguaína no Hemocentro e no Senai. A programação começa hoje, 27, e segue até a sexta-feira, 29.

Um dos objetivos do evento é abordar temas sobre técnicas e procedimentos seguros no trabalho, para prevenir acidentes e diminuir perdas. Com dados da Organização Internacional do Trabalho (OIT), 270 milhões de acidentes de trabalho ocorrem no mundo sendo que desses, 160 milhões de casos são de doenças ocupacionais.

Outro dado preocupante divulgado é de que cinco mil trabalhadores morrem todos os dias devido a acidentes ou doenças relacionadas ao trabalho e que 22 mil são crianças, vítimas do trabalho infantil.

A ação conta com o apoio do Hemocentro e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Araguaína
No Tocantins, um levantamento realizado pelo Sistema Nacional de Notificação (Sinan) aponta que, de 2010 a 2016 foram registrados 369 óbitos por acidente no trabalho sendo que desses, 78 óbitos foram registrados em Araguaína. Só em 2015, em Araguaína foram 11 óbitos, 33% do percentual do Estado.

O mesmo relatório destaca que a maior parte dos acidentes que aconteceram em Araguaína, entre os anos de 2008 e 2016, foram com empregados registrados (619 acidentes), autônomos (346 acidentes) e empregados não registrados (218 acidentes).

A maioria dos óbitos por acidente é de pessoas entre 20 e 34 anos e do sexo masculino. A maioria de mortes foi com motoristas de caminhão: nove, seguidos de motoristas de táxi: cinco óbitos. Foram quatro mortes de trabalhadores da agricultura e pedreiros. Eletricistas e serralheiros foram três óbitos, assistente administrativo e trabalhador de máquinas em geral, dois óbitos cada.

Programação
Amanhã, 28 (quinta-feira)
8 às 9h – Palestra com o tema: Ergonomia, Segurança e Qualidade de Vida no Trabalho - palestrante fisioterapeuta Diane Leite da Silva, no Hemocentro;

8h, 14h e 19h - Palestra sobre acidentes de trabalho em Araguaína, para estudantes e colaboradores do Senai;

Manhã e tarde - Blitz em frente ao Senai nos períodos matutino e vespertino com Memorial às Vítimas de Acidentes de Araguaína.

Dia 29 (sexta-feira)
8h30 às 9h30 – Palestra com o tema: Estresse no trabalho, com a palestrante, especialista em Ambiente Organizacional Saúde e Ergonomia, Elianôra Gomes de Carvalho, no Hemocentro.

Publicado: Data: 27/04/2016 Autor:Ascom







voltar