.: Prefeitura De Araguaina :.
Sábado, 04 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Alunos de escolas públicas municipais passam por exames oculares

Publicado: Data: 22/09/2017 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Os diagnósticos são para detectar casos de Tracoma e realizar acompanhamento gratuito; os exames serão realizados até dia 26 de setembro

 

 Por Mara Santos

Alunos de três escolas da rede pública municipal passarão por exames oftalmológicos para diagnóstico do Tracoma, doença ocular altamente contagiosa, causada por uma bactéria, que pode causar cegueira. Os exames começaram a ser realizados na última segunda-feira, 18, e seguem até a próxima terça-feira, 26.

A meta é realizar o exame em 2.260 crianças e adolescentes, com idades entre 5 e 14 anos. Os casos positivos da doença serão encaminhados para tratamento tanto da criança como de todas as pessoas que moram na mesma casa.

Na última segunda-feira, a equipe do Programa de Vigilância e Controle do Tracoma do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) realizou os exames nos alunos da Escola Municipal Manoel Lira, no Setor Nova Araguaína.

Ontem e hoje, os exames são realizados na Escola Municipal Joaquim Sabino dos Santos, no Setor Lago Azul 4. Na próxima segunda e terça-feira, será a vez dos alunos da Escola Municipal Luiz Gonzaga, no Setor Costa Esmeralda.

Contaminação

A transmissão ocorre por meio da secreção dos olhos com Tracoma de uma pessoa para outra, de objetos contaminados, como lápis, borracha e caneta, de toalhas de rosto, banho, roupas de cama e lençóis.

Segundo dados da Vigilância Epidemiológica de Araguaína, em 2016, 3.894 crianças realizaram o exame, dessas, 36 estavam com a doença, foram medicadas e tratadas.

O Tracoma é causado pela bactéria Clamidiatracomatis, e as crianças são mais vulneráveis. O tratamento não é difícil, mas se não for diagnosticado e tratado, com o passar do tempo, pode prejudicar a visão. O exame é rápido e realizado de maneira que cause o mínimo desconforto possível para os pacientes.

Publicado: Data: 22/09/2017 Autor:Ascom







voltar