.: Prefeitura De Araguaina :.
Terça-feira, 07 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Saúde municipal oferta atendimentos na Caravana Siga Bem

Publicado: Data: 29/08/2018 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Evento itinerante permanece na cidade até o final desta quarta-feira, 29, no posto Toca da Onça, próximo ao Distrito Agroindustrial de Araguaína (Daiara)

Por Flávio Martin - Foto: Leila Mel

Os caminhoneiros que passarem pelo posto Toca da Onça, na BR-153, próximo ao Distrito Agroindustrial de Araguaína (Daiara), terão à disposição até o final desta quarta-feira, 29, atendimentos em saúde ofertados pela Prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, em parceria com a Caravana Siga Bem.
 
Os serviços ofertados são orientações sobre hábitos alimentares saudáveis, aferição de pressão, distribuição de preservativos e acompanhamento psicológico sobre álcool e outras drogas.
 
O paulista Dorival Costa, 58 anos, está levando um carregamento de Paragominas (PA) para Lagoa da Confusão, e só após a entrega irá para casa, em Estrela do Oeste (SP). O percurso é grande, mas o caminhoneiro garante que cuida bem da saúde para conseguir seguir o trecho. “Eu sempre paro nestes atendimentos na estrada e também faço exames particulares. A gente precisa se cuidar”.
 
Ele foi atendido pela técnica de enfermagem Maria da Silva, cedida pela Unidade Básica de Saúde do Setor Avany Galdino, do Bairro São João. De acordo com a agente de saúde, o caminheiro apresentou pressão satisfatória para sua idade, 13 por 8. “Quando o resultado não é bom, orientamos que procure um médico e já mude os hábitos alimentares, dando dicas do que deve comer e dos alimentos que precisa evitar”.
 
O caminhoneiro aposentado José Rodrigues, 62 anos, também parou para aferir a pressão. Ele conta que a vida na estrada pode ser bastante desgastante e o motorista precisa se cuidar. “A gente não tem tempo e nem descanso, o caminhoneiro precisa sempre chegar logo ao destino. É uma profissão complicada. Tem que se cuidar para poder aproveitar o que a vida tem a oferecer”.
 
A Caravana
Esta não é a primeira vez que a Prefeitura de Araguaína apoia o Projeto. Em edições anteriores, a média diária foi de 800 atendimentos, de acordo os dados da Secretaria Municipal da Saúde. A edição desse ano é comemorativa pelos 11 anos do Siga Bem nas estradas brasileiras.

“Este ano celebramos 11 anos da caravana, também trazemos um novo formato para ela. Antes, eram carretas com temas diferentes que percorriam o Brasil, agora são duas caravanas, uma ao Norte e outra ao Sul, que têm o mesmo formato. São exames de saúde e um espaço para os caminhoneiros descansarem e conversarem. Estamos gravando depoimentos dele para um documentário que será transmitido no programa Brasil Caminhoneiro”, explica o produtor do evento do Norte, Eri Alves.

Publicado: Data: 29/08/2018 Autor:Ascom







voltar