.: Prefeitura De Araguaina :.
Sábado, 11 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 21ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Prefeitura conclui cadastro para cesta básica e prioriza famílias não-beneficiárias do Governo Federal

Publicado: Data: 25/04/2020 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Secretaria da Assistência Social já entregou 14 mil cestas. Na próxima semana, benefício terá novo critério: quem não recebeu R$ 600 do Governo Federal

Por Marcelo Martin - Foto: Marcos Sandes/Ascom

A Prefeitura de Araguaína já entregou 14 mil cestas básicas às famílias carentes e profissionais liberais impedidos de prestar serviços desde o início da pandemia da covid-19. O prazo no cadastro municipal para receber o auxílio será concluído neste domingo. A partir da próxima semana, receberão a cesta somente pessoas não-contempladas pelo Governo Federal com o auxílio de R$ 600.
 
“Nós vamos continuar atendendo normalmente quem está no cadastro”, afirmou a secretária municipal da Assistência Social, Fernanda Ribeiro. Ela explica que a alteração foi apenas no método de análise. “Nossos assistentes sociais vão às casas para verificar a necessidade da família, até para entregar mais de uma unidade caso seja uma família numerosa, e agora vamos cruzar também os dados do Cadastro Único e outros órgãos do Governo Federal”.
 
Priorizando quem mais precisa
A mudança prioriza quem não recebeu o benefício federal, agilizando a entrega das cestas básicas para os mais necessitados. “Temos 14 mil pessoas cadastradas e muitas duplicidades, ou seja, o mesmo nome cadastrado mais de uma vez ou mais de uma pessoa cadastrada na mesma casa. Isso acaba atrasando muito o trabalho dos agentes que precisam percorrer toda cidade”, afirmou a secretária.
 
Além desses, há cadastros exclusivos para profissionais liberais que estão privados de renda, como mototaxistas, ambulantes, promoter de festas, DJs, catadores e recicladores de lixos, entre outras atividades. Cada grupo está recebendo o benefício semanalmente, em dias diferentes da semana.
 
Mais cestas
O prefeito Ronaldo Dimas autorizou inicialmente a compra de 21 mil cestas básicas e mais 30 mil unidades serão licitadas ainda nesta semana para garantir a alimentação das famílias durante o período de crise.
 
Auxílio completo
Além dos alimentos, junto à cesta básica são entregues máscaras de proteção respiratória confeccionadas pela Prefeitura e panfleto educativo sobre os cuidados para evitar a contaminação com o coronavírus.

Publicado: Data: 25/04/2020 Autor:Ascom







voltar