.: Prefeitura De Araguaina :.
Quarta-feira, 15 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 35 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Em Araguaína, Pronatec dá qualificação profissional e abre as portas de trabalho para mais 1.120 alunos

Publicado: Data: 02/06/2014 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Com os cursos do Pronatec, os mais de mil alunos adquirem novas oportunidades profissionais e têm condições de melhorar a renda familiar.


A última sexta-feira, dia 30, foi um momento muito especial para 1.128 alunos que integraram cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) em Araguaína. Foi o dia em que todos os alunos de baixa renda e com pouca escolaridade receberam o certificados de qualificação profissional, que comprova que eles estão aptos a ingressarem no mercado de trabalho. Muitos se emocionaram e foi difícil segurar as lágrimas. A cerimônia de entrega dos certificados de conclusão do curso, por volta das 19h30, foi prestigiada pelo prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, bem como também pela diretora adjunta de Inclusão Produtiva Urbana do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Margarida Munguba, que veio ao Estado para representar a ministra do MDS, Tereza Campello.

 

A solenidade de formatura das mais de 70 turmas aconteceram no Tatersal do Parque de Exposição de Araguaína, onde centenas de familiares acompanharam o momento emocionante de entrega dos canudos. Entre os formandos da noite estava Elaine Martins Mota. O curso de Massagista deve abrir portas para a estudante de apenas 22 anos, que está desempregada. “Eu aprendi muitas técnicas que precisam ser aperfeiçoadas na prática. Agora o que eu quero é entrar no mercado de trabalho, pois profissão eu já tenho” adiantou ela.

 

Capacitação

O curso, que qualifica e garante futuro promissor aos formandos, foi realizado através de uma parceria a Prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria de Trabalho e Ação Social, Sistema S (Senai, Senac e Senar) e IFTO. Somente em Araguaína, a população de baixa renda já efetuou 2,5 mil matrículas no programa do governo federal, por meio do MDS.  “O Pronatec já chegou a mais de 3.800 municípios, entre estes, Araguaína se destaca no Tocantins com o maior número de matrículas efetivadas. Sabemos que a região está em pleno desenvolvimento e este investimento do governo federal é fundamental para a ascensão da região e do país. Vale lembrar que este programa não aconteceria se não tivesse a dedicação, o interesse, a colaboração e a participação da prefeitura da cidade” agradeceu a diretora Margarida Munguba.

 

Em entrevista Ronaldo Dimas destacou que a única coisa que dignifica o homem é o trabalho. “E, através das parcerias, nós estamos cumprindo o compromisso de qualificarmos nossa população, que já vislumbra a possibilidade de ter um trabalho. Isso está demonstrado aqui, com a formatura de mais mil pessoas de todas as faixas etárias” disse o prefeito, anunciando que deve em breve alterar o nome da Marginal Neblina para Avenida João Ribeiro, em homenagem ao político tocantinense, e que deve iniciar nas próximas semanas a licitação para as obras de asfaltamento de bairros afastados do centro, como o Santa Maria e o Araguaína Sul.

 

Durante o evento foram exibidos vídeos institucionais e os formandos fizeram o juramento de exercer as profissões com zelo e dedicação. Participaram da solenidade também vereadores, o presidente da Câmara Municipal de Araguaína, Marcus Marcelo, o deputado estadual Elenil da Penha e o deputado federal Cesar Hallun.

 

Cursos

Os alunos que receberam os certificados são concluintes de cursos como Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Recursos Humanos, Auxiliar de Balconista de Farmácia, Auxiliar de Crédito e Cobrança, Auxiliar de Faturamento, Auxiliar Administrativo com ênfase rural, Apicultor, Cuidador de Idoso, Cuidador Infantil, Manicure e Pedicure, Operador de Caixa, Vendedor, Maquiador, Operador de Computador, Recepcionista, Costureiro Industrial do Vestuário, Mecânico de Motocicletas, Padeiro e Confeiteiro, Padeiro. Também tem os cursos de Torneiro Mecânico, Mecânico Motores Ciclomoto, Eletricista de Automóveis, Língua Brasileira de Sinais (Libras), Língua Portuguesa e Cultura Brasileira para surdos (básico), Inglês (básico), Massagista, Recepcionista de Hospital, Técnico em Estética, Condutor Ambiental, Horticultor e Fruticultor.

 

Pronatec

Criado em 2011, o Pronatec é uma das principais estratégias de inclusão produtiva urbana do Plano Brasil Sem Miséria, do governo federal. A iniciativa promove o acesso da população de baixa renda à qualificação profissional gratuita e de qualidade. Em todo o Brasil, já são quase 1,2 milhão de matrículas, em 570 cursos de formação inicial e continuada, sintonizados com a vocação econômica de cada região.

 

Crédito/Fotos: Leila Mel

Publicado: Data: 02/06/2014 Autor:Ascom







voltar