.: Prefeitura De Araguaina :.
Quinta-feira, 16 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 19ºC | Máxima: 35 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Prefeitura faz chamada pública para servidores atuarem como auxiliares de fiscalização

Publicado: Data: 29/04/2020 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Oportunidade é para auxiliares de professor já contratados pelo Município e que estão em casa. Foram disponibilizadas 10 vagas

Por Marcelo Martin - Foto: Marcos Sandes/Ascom

 A Prefeitura de Araguaína abriu chamada pública para que auxiliares de professor possam trabalhar como auxiliares de fiscalização. O chamamento pretende aumentar a renda desses profissionais devido à redução da carga horária com a suspensão das aulas. A contratação tem o objetivo de aumentar o controle das medidas restritivas adotadas contra a covid-19 na cidade. São 10 vagas disponíveis e as inscrições devem ser realizadas até o meio-dia, desta quinta-feira, 30, pelo site https://www.araguaina.to.gov.
 
De acordo com a Secretaria Municipal da Administração, Rejane Mourão, a escolha da categoria é pela semelhança contratual. “Já chamamos todos do cadastro reserva para auxiliar de fiscalização, então resolvemos convidar os auxiliares de professores já contratados porque têm salário compatível e a mesma escolaridade”, explicou. Hoje, são 358 profissionais nesse cargo na Educação Municipal.
 
Critérios de seleção
Para estar apto ao serviço é necessário ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) Categoria A, possuir motocicleta, ser eleitor e estar em dia com a Justiça Eleitoral e não registrar antecedentes criminais.
 
O profissional interessado ao cargo não pode pertencer ao grupo de risco, como diabéticos, hipertensos, com insuficiência renal e doenças respiratórias crônicas. Mulheres grávidas e lactantes também não podem se inscrever.
 
A seleção
Os inscritos serão selecionados por meio de triagem curricular e entrevista estruturada com equipe da fiscalização. A carga horária de trabalho é de 33 horas semanais, sendo seis horas corridas em dias úteis e três horas corridas no sábado. A remuneração é de R$ 1.045,00.

Publicado: Data: 29/04/2020 Autor:Ascom







voltar